Geografia e População

A Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) é parte do território da China, localizada no sul do continente chinês, a oeste do Delta do Rio das Pérolas, adjacente à província de Guangdong, a cerca de 60 quilómetros de Hong Kong. A hora local regista um avanço de oito horas em relação ao meridiano de Greenwich. A RAEM abrange a península de Macau e as ilhas da Taipa e de Coloane. As suas coordenadas geográficas são 22º 12’ 40” de latitude Norte e 113º 32’ 22” de longitude Este. A Ponte Governador Nobre de Carvalho, a Ponte da Amizade e a Ponte Sai Van ligam a península de Macau e a ilha da Taipa, enquanto o Cotai liga esta ilha à de Coloane.

De acordo com o Aviso do Chefe do Executivo n.º 128/2015 de 20 de Dezembro de 2015, foi mandado publicar, o Decreto do Conselho de Estado da República Popular da China n.º 665. Segundo o qual, a delimitação da divisão administrativa da RAEM abrange as partes terrestre e marítima. A parte terrestre é composta por dois segmentos, que são o do Posto Fronteiriço das Portas do Cerco de Macau e o do Canal dos Patos, enquanto a parte marítima é composta por seis segmentos, que são os do Porto Interior, do Canal da Taipa-Coloane, das águas a sul de Macau, das águas a leste de Macau, da ilha artificial e das águas a norte de Macau. Assim, a delimitação da divisão administrativa da RAEM estende-se, nas coordenadas geográficas, partindo do Oeste 113º 31’ 41.4”E até ao Leste 113º 37’ 48.5”E e do Sul do 22º 04’ 36.0”N até ao Norte 22º 13’ 01.3”N.

Área

A superfície da Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) tem vindo a aumentar, mercê dos aterros feitos na sua orla marítima, passando gradualmente de uma área de 11,6 quilómetros quadrados em 1912, ano em que se efectuou o primeiro registo da área do território, para uma área de 32,9  quilómetros quadrados, tendo, ainda, o Novo Campus da Universidade de Macau uma área de um quilómetro quadrado. Macau inclui a Península e as ilhas de Taipa e de Coloane. Três pontes - a Ponte Governador Nobre de Carvalho, a Ponte da Amizade, a Ponte de Sai Van - ligam à península de Macau e à ilha de Taipa, enqunto o aterro - COTAI- liga à ilha da Taipa e à ilha de coloane.

População

A população de Macau é de 672.000  habitantes.

No final de 2017 a população total era composta por 653.100 indivíduos, registando-se uma subida anual de 1,3 por cento. Em termos de distribuição sexual, o sexo masculino ocupava 47,4 por cento da população residente, e o sexo feminino 52,6 por cento. Quanto à distribuição etária, a percentagem das crianças até aos 14 anos é de 12,7 por cento e a percentagem da população adulta de 15 a 64 anos é de 76,8 por cento, quanto à percentagem dos residentes de idade igual ou superior a 65 anos é de 10,5 por cento. A densidade demográfica do território é cerca de 20426 por quilómetro quadrado. As zonas da Areia Preta e de Iao Hon continuam a deter a maior concentração populacional.

Quanto à alteração natural da população, em 2017, registaram-se 6529 nados-vivos, uma descida de 8,6 por cento em relação ao ano de 2016. Foram registados 2120 óbitos, uma queda de 5,7 por cento relativamente ao ano de 2016. O crescimento natural demográfico é de 0,68 por cento.

O movimento migratório é outro factor que contribuiu para o crescimento demográfico. O saldo migratório, que foi negativo em 2016, evoluiu para um saldo migratório positivo de cerca de 3800 imigrantes em 2017.

Segundo os resultados globais dos Intercensos 2016, na população total a nacionalidade chinesa representa 88,4 por cento, enquanto as nacionalidades portuguesa e filipina equivalem, respectivamente, 1,4 por cento e 4,6 por cento.

A língua chinesa e a portuguesa são as línguas oficiais. A língua chinesa é utilizada por mais de 80,1 por cento da população de Macau, o português por cerca de 2,3 por cento e a restante fala inglês (2,8 por cento), filipino (3 por cento) entre outras.

No que se refere à naturalidade, os habitantes nascidos localmente e no resto do interior da China ocupam, respectivamente 40,7 por cento e 43,6 por cento, e os nascidos em Hong Kong, representam 3,3 por cento, nas Filipinas 4,4, no Vietname 2,5 por cento e em Portugal 0,3 por cento da totalidade da população.

Clima

Macau situa-se geograficamente na zona subtropical, tendo a norte o continente e a sul o mar. No Inverno está sujeita à alta pressão fria continental de alta e média latitude, razão por que sopra principalmente o vento do norte; o tempo é relativamente frio e seco, e chove pouco. No Verão está sujeita principalmente à influência de condicionantes climatéricas tropicais, e do mar, soprando principalmente o vento do sudoeste, sendo a temperatura relativamente alta, a humidade grande e a precipitação abundante.

A temperatura atmosférica anual de Macau é, em média, de 22,6ºC, sendo Janeiro o mês em que a temperatura média é mínima: apenas 15,1ºC; mas na maioria dos anos também se registam dias frios em que a temperatura é inferior a 5ºC, embora o período frio seja muito curto. Em Macau, há sete meses em que a temperatura mensal é superior a 22ºC.

Macau é frequentemente assolado por tufões. A estação dos tufões vai de Maio a Outubro, no entanto Julho e Setembro são os meses que registam maior frequência de tempestades tropicais.

Para mais informações: Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (http://www.dsec.gov.mo) / Direcção dos Serviços Meteorológicos e Geofísicos (http://www.smg.gov.mo)